Estatísticas deste blog

A título de informação este blog, no dia de hoje, teve 1.199 “views”, o que supera em grande medida o leque de pais da Fundação.
Tiago Mota Saraiva

Anúncios

9 Responses to “Estatísticas deste blog”


  1. 1 Tiago Mota Saraiva 20 Janeiro 2007 às 11:49 am

    Este comentário é antigo e reportava-se ao dia de Quarta-Feira – 17 de Janeiro. Pelo que vi, no final do dia, as visitas eram já mais de 1300.
    Para se perceber melhor, neste dia o https://paisdpedroiv.wordpress.com, foi o 13º blog mais visto de Portugal.

  2. 2 Carlos Palminha 20 Janeiro 2007 às 3:41 pm

    Caros Pais,

    Mais uma referência ao vosso caso no site de notícias independentes IndyMedia: http://portugal.indymedia.org/ler.php?numero=113582&cidade=1

    Já só falta a televisão “pegar” no vosso caso (espero que seja desta vez pois connosco tem sido difícil os jornalistas das 3 televisões fazerem uma reportagem a sério sobre a Fundação D. Pedro IV).

    Cumprimentos,
    Carlos Palminha
    (http://amendoeiras.blogspot.com)

  3. 3 Sandra 20 Janeiro 2007 às 10:51 pm

    Onde é que se vê o número de visitantes?

  4. 4 Antonio Antunes 22 Janeiro 2007 às 6:02 pm

    Sou um pai do Estabelecimento de Arroios, vivo perto do Jardim Cesário Verde, conheço muito bem a Fundação D. Pedro IV, pois tenho três filhos, e todos passaram por lá.
    No Estabelecimento de Arroios sempre prevaleceu uma boa organização, mas quando contactei com pais de outros estabelecimentos verifiquei que os principios orientadores não eram apenas de um estabelecimento mas de uma organização chamada Fundação D. Pedro IV que sempre muito me orgulhei.
    Teve que haver um grande investimento por parte da Fundação aquando da realização das obras, que sofreu já a alguns anos, essa preocupação teve que passar por alguém superior a da Directora e restante equipa, e isso só indica que os responsaveis estavam preocupados com a segurança.
    Sempre tive orgulho em que os meus filhos frequentassem essa IPSS, fiquei revoltado quando ouvi dizer que iriam retirar algumas ajudantes na valência de J. Infância, mas quando foi ler a lei verifiquei que durante anos os meus filhos beneficiaram de um estatuto que poucas crianças beneficiaram como IPSS.
    Estou de acordo com a reunião que houve no dia 19 de Janeiro de 07, é um direito nosso associarmo-nos numa comissão de pais, será que esse estatuto de comissão de pais existem numa Instituição Particular de S. Social.
    Não nos podemos esquecer que como pais podemos escolher a escola dos nossos filhos, os nossos frequetam a Fundação porque nos gostamos, no momento que nos desagrade, podemos escolher outra qualquer, felizmente que vivemos em Democrácia.
    Nõa podemos misturar a nossa contestação com o problema das casas de chelas pois o problemas deles é politico não tem nada a ver com o nosso.

  5. 5 António Vale 22 Janeiro 2007 às 6:14 pm

    O meu pai morada na Rua Tomás de Alcaide em Chelas, é reformado e pediu-me para eu colocar a opinião dele na Internet, pois está cansado de tanta injustiça e de tanta repressão, com a Comissão de Moradores na pessoa do Carlos Palminha, nosso vizinho.
    Também está indignado com a pressão que a Comissão de Moradores está a fazer ´para comprar as casas, onde os mesmo deviam de estar preocupados em que a Fundação recupera-se as casas como prometido há mais de um nao, tratar dos elevadores que o IGAPHE deixou em muito mau estado.
    As casas tem que ser para os mais necessitados, não compreendo como a Fundação aplica uma renda de 8,00 € a um pensionista e não muda a renda a mãe desse Carlos Palminha que paga 10,00 €.
    Se a Fundação já recuperou a casa dos Olivais que ficou tão bonita, de que que está a espera paar recuperar as nossas casas.
    Esse Calos Palminha que lute por algo sério e não por interesses particulares

  6. 6 Carlos Palminha 22 Janeiro 2007 às 7:02 pm

    Caros Pais,

    Penso que já perceberam a intenção das pessoas da Fundação D. Pedro IV. Têm medo que os movimentos se juntem e as contestações (que na sua génese são diferentes) ganhem um volume maior.

    Nós já estamos habituados a este tipo de comentários por parte da Fundação e portanto não nos afecta em nada. Penso é que não ajudam em nada a vossa luta nem este blog… Ainda por cima de nomes de pessoas falseados e não identificados!

    Sr. Canto Moniz ou quem quer que tenha feito o comentário a seu mando (disfarçado de António Vale)… como tão bem sabe (por ter sido director no IGAPHE durante anos) os moradores das Amendoeiras pagam uma prestação de renda fixa para aquisição da habitação… se fosse morador tinha concerteza consciência dos seus direitos. Por isso, poupe-nos a nós moradores e aos pais das crianças esses comentários completamente ridículos…

    Os meus cumprimentos aos pais e que não se deixem levar pelas “manobras de diversão”,

    C.Palminha
    (http://amendoeiras.blogspot.com)

  7. 7 Ana 22 Janeiro 2007 às 10:06 pm

    Sr. Carlos Palminha para sua informação quando inscrevemos os nossos filhos na Fundação D. Pedro IV já tinhamos conhecimento de que a sede e outros serviços estavam nas mesmas instalações, por isso atenção se algo acontecer naquele estabelecimento de infância ou outro sabemos que é vpçe ou pessoas da sua laia.
    Agradecemos que nos deixe em paz.
    O nosso objectivo está quase conlcuido o v/ não nos interessa

  8. 8 paisdpedroiv 23 Janeiro 2007 às 12:18 am

    Ana | Santana | IP: 87.103.89.115
    Ana Marques | S.Vicente | IP: 87.103.38.132
    Ana Silva | Olivais | IP: 87.103.35.68
    Manuela PInto | Olivais | IP: 87.103.35.68
    Isabel Gonçalves | S.Vicente | IP: 87.103.35.68

    Caros Pais, ter uma caixa de comentários abertos provoca estas coisas.
    As Sras. que assinam os comentários com os dados acima descritos, ou são a mesma pessoa ou comentam do mesmo computador.
    Esta Sra. Ana que apresenta o email “anamarques89@sapo.pt” e enuncia ter o filho na Casa Santana, há alguns comentários atrás, com este mesmo email, dizia fazer parte de um grupo de pais de Arroios, Olivais, St.Quitéria e Calafates.
    Os comentários de todas estas pessoas têm três características comuns. Falam de um “nós”, pretensamente em nome de vários pais, todas têm como objectivo hostilizar as associações de moradores dos Lóios e Amendoeiras e nunca falam dos seus filhos e das condições dos respectivos estabelecimentos de infância.
    É lamentável.

  9. 9 paisdpedroiv 23 Janeiro 2007 às 12:46 am

    António Vale | IP: 87.103.75.56
    Antonio Antunes | IP: 87.103.75.56


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Divulgação Cultural

Blog Stats

  • 232,653 hits

%d bloggers like this: