Ponto da Situação

A Comissão Instaladora continua à espera de resposta a várias cartas enviadas para a Fundação D. Pedro IV, assim como de receber os documentos prometidos pela representante da mesma aquando da reunião a 28 de Março.
Após o lamentável acto de vandalismo perpretado na Casa de Santana e na ausência do pedido de vistoria sanitária por parte da Fundação D. Pedro IV, a CI tomou a iniciativa de o fazer, assim como de apresentar queixa-crime contra desconhecidos na Polícia Judiciária. Contudo, e afim de tentar informar os pais preocupados sobre o que vai acontecer no futuro, a CI enviou um email à Fundação, solicitando (sic) “confirmação, com carácter de urgência, das medidas tomadas pela Administração da Fundação D. Pedro IV após este acto de vandalismo, nomeadamente:
– foi apresentada queixa-crime a alguma entidade judicial?
– apesar da desinfecção ter sido feita, foi providenciada a substituição dos alimentos não embalados que se encontram na “dispensa” (logo à entrada, do lado direito)?
– irá ser enviada cópia do relatório da vistoria sanitária à Comissão Instaladora?
– vão ser tomadas medidas para evitar que esta situação se possa repetir, como por exemplo, pedir vigilância policial do Estabelecimento?”

A este email recebemos no dia 2 de Maio a seguinte resposta:

1. Foi apresentada queixa às entidades policiais;
2. Esteve presente a Delegada de Saúde da área que confirmou a desinfecção feita no próprio dia;
3. Foram feitas todas as operações de desinfecção às áreas afectadas;
4. Foram garantidas todas as operações necessárias para a recuperação do bom funcionamento.

Dado que a CI considera esta resposta manifestamente insuficiente, enviou novo pedido de esclarecimentos sobre as questões que ficaram por responder.

Anúncios

2 Responses to “Ponto da Situação”


  1. 1 , 7 Maio 2007 às 4:13 pm

    retirado do blogue http://lagostim.blogspot.com/2007/05/um-putedo-o-que-isto-hoje-vejo-na-tv.html

    Um putedo, é o que isto é!
    Como ex-directora técnica de uma IPSS honesta (ah pois, ela é isso) e colega e amiga de uma pessoa directamente lesada pela Fundação D. Pedro IV, declaro aqui mesmo o Dr. Canto Moniz como persona non grata.
    Dr. Canto Moniz, ao olhar para o seu ar de beato mal resolvido deu-me vontade de contactar uns amigos altos e espadaúdos que tenho escondidos para o levarem até um beco e lhe fazerem umas festinhas. Daquelas festinhas que fazem com que um indivíduo fique sem dentes, sabe? Até lhe fazia um favor, dada a dentição amarela e proeminente no maxilar de baixo, dando a entender que o elo perdido pode estar mais perto do que imaginávamos. Mas não o vou fazer, está aqui prometido. Acho que olhar para essa cara ao espelho todas as manhãs já é castigo suficiente.
    Coitado.
    Karvela (um putedo, I tells ya!)

  2. 2 Teresa 26 Junho 2007 às 11:36 am

    afinal de contas o que é que aconteceu , qual foi o acto de vandalismo?


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Divulgação Cultural

Blog Stats

  • 233,706 hits

%d bloggers like this: