Em defesa do Hospital D. Estefânia

Jornal de Notícias
Quase 80 mil pessoas subscreveram a petição contra a inclusão do Hospital D. Estefânia no futuro centra hospitalar “Todos os Santos”, em Lisboa. O cirurgião Gentil Martins é um dos subscritores e garante que “as crianças perdem” com a integração. O grande objectivo dos autores do documento, que foi entregue ao Presidente da República, é o mesmo que levou a rainha Dona Estefânia a oferecer o seu dote de casamento para a construção de uma enfermaria: o atendimento exclusivo de crianças.
Os elementos da plataforma defendem “uma verdadeira autonomia técnica, administrativa e financeira” para este novo hospital pediátrico, embora reconheçam a importância de “relações privilegiadas com outras estruturas diferenciadas do Serviço Nacional de Saúde (SNS), de que será exemplo o futuro Hospital de Todos os Santos”.
“É muito traumático para uma criança estar ao lado de um adulto em estado muito grave, ao ponto de estar internado nos cuidados intensivos”, disse Gentil Martins. Por outro lado, adiantou, “um hospital pediátrico proporciona todo um ambiente ligado à criança que não é possível encontrar num hospital de adultos ou mesmo partilhado”.

Diário de Notícias

O movimento “Plataforma Cívica” foi no dia 07.10.2008 a Belém para defender a existência de um hospital pediátrico em Lisboa junto do Presidente da República. Gentil Martins, que lidera o movimento, explicou que a intenção era apenas informar o Presidente e não influenciá-lo, já que a decisão pertence ao Governo. Para o médico, é um erro integrar o novo hospital pediátrico, que vai substituir o D. Estefânia, no futuro Hospital de Todos os Santos. “É fundamental haver um hospital de crianças. pode até ficar ao lado do novo, mas dentro é que não”, defende. É importante que a gestão seja autónoma e que o pessoal seja especializado e dedicado às crianças, argumenta o cirurgião. O abaixo-assinado lançado pelo movimento já foi subscrito por 76.587 pessoas.

Anúncios

1 Response to “Em defesa do Hospital D. Estefânia”


  1. 1 Pedro Paulo Mendes 27 Dezembro 2008 às 3:49 pm

    Amigos agradecemos que divulguem o site da nova petição!

    http://www.PetitionOnline.com/18772008

    Amigos, desejo um Feliz Natal e um Prospero Ano Novo ! Associem-se e divulguem o cartão de Natal das crianças de Lisboa em defesa de um novo Hospital Pediatrico para Lisboa e do Património do Hospital D.Estefânia !

    Assinem e divulguem o novo abaixo assinado !
    Divulga este cartão de Natal e abaixo assinado pelas Crianças de Lisboa e de Portugal!
    A Assembleia da Republica Portuguesa!
    A Câmara Municipal de Lisboa!
    “Por um novo Hospital Pediátrico para Lisboa” e Defesa do Património do Hospital de D. Estefânia
    http://www.PetitionOnline.com/18772008
    A Assembleia da Republica e Câmara Municipal de Lisboa
    Amigos!
    O anterior abaixo-assinado ao Presidente da Republica Portuguesa, infelizmente não alcançou resultados práticos, conseguiu-se apenas que o espaço actual do H.D. Estefânia continue a pertencer ás criança e não ao circuito da especulação imobiliária.
    As parcerias privadas instaladas no Ministério da Saúde e o responsável pelo plano funcional do futuro Hospital de Todos os Santos, infelizmente parecem ter maior poder decisório e de influência do que os órgãos de soberania por nós eleitos!
    A saúde das nossas mães e crianças é um bem precioso de mais para depender das estratégias de lucro e do sector bancário
    Em substituição do histórico Hospital D. Estefânia e apropriando-se da sua ideia, actualmente especula-se que a parceria privada tem planeada uma Torre Pediátrica no Hospital Privado entanto, para as restantes crianças utentes está apenas reservado um simples Serviço de Pediatria no Hospital de Todos os Santos em Chelas!
    Argumentam com falta de espaço em Chelas e custos de manutenção, o que é insultuoso, quando estão previstas negociatas milionárias com os terrenos dos antigos Hospitais Civis de Lisboa.
    O Serviço Nacional de Saúde que querem destruir, é o único regulador de qualidade e equidade e de formação de profissionais que garante o livre o acesso a todas as crianças de Portugal independente da sua condição social, raça ou credo.
    Peço assim em nome das nossas crianças, dos valores de civilização de solidariedade e democracia que estão a ser postos em causa. Assinem e divulguem este novo abaixo-assinado que foi endossado e subscrito pelos três expoentes referência dos Hospitais Pediátricos de Lisboa, Porto e Coimbra!
    Julgam desmotivar o nosso povo ignorando-o?!
    Provemos que se enganaram!
    Assina Pedro Paulo Paulo Machado Mendes
    Lisboa 24 de Dezembro de 2008
    wwwcampanhapelohde.blogspot.com
    Pedro Paulo Machado Alves Mendes
    ( que endossou o anterior abaixo assinado e entregue ao Presidente da Republica )
    http://www.PetitionOnline.com/18772008
    Em anexo o texto elaborado pela Plataforma.

    FAVOR DAS CRIANÇAS DOENTES – É UMA NOVA PETIÇÃO DIRIGIDA À ASSEMBLEIA DE REPUBLICA E À CAMARA MUNICIPAL DE LISBOA ”Por um novo Hospital Pediátrico para Lisboa” http://www.PetitionOnline.com/18772008 Leia o texto, assine e divulgue a contactos de e-mail, colegas e amigos. Seja solidário com os mais pequenos que ainda não têm voz! – Caros amigos que acreditam na criança como o maior património do nosso futuro colectivo – Caros amigos que não aceitam que, com a extinção do Hospital de Dona Estefânia em 2012), as crianças deixem de ter o seu Hospital dedicado e passem a ser assistidas em conjunto com os adultos no futuro Hospital geral de Chelas (Hospital de Todos os Santos) – Caros simpatizantes da causa de um novo Hospital Pediátrico de Lisboa Por razões prioritariamente financeiras, as crianças de Lisboa e do Sul do Pais vão perder o seu Hospital Pediátrico (Hospital de Dona Estefânia) e ser encaminhadas para um sector integrado num Hospital geral a construir em Cheias. Adultos e crianças doentes vão ai partilhar muitos espaços, salas de espera, gabinetes de técnicas e vários profissionais que tratarão indiscriminadamente idosos de longa idade e de seguida bebés de semanas e meses, por vezes muito prematuros.Contra esta situação, quase 80.000 cidadãos assinaram uma primeira petição dirigida ao Sr. Presidente da República e também entregue ao Ministério da Saúde. Apesar disso, os projectos continuaram inalterados. Terão de ser os adultos de hoje a voz das crianças que ainda não nasceram, as que se encontram em gestação e as ainda de tenra idade que irão encontrar um hospital geral com adultos como local onde futuramente serão tratadas se sofrerem de doenças raras ou muito graves ou complexas. Por favor, assine e divulgue esta petição da melhor forma que puder. Tentemos mais uma vez sensibilizar os governantes e responsáveis, que felizmente vão inaugurar um novo Hospital Pediátrico para as crianças de Coimbra em 2009, para essa necessidade também em Lisboa. Um minuto seu agora pode significar muito para as criança doentes de amanhã. Agradecimentos da
    Plataforma Cívica em Defesa do Património do Hospital de Dona Estefânia e de um Novo Hospital Pediátrico em Lisboa

    Desde já agradeço,

    Pedro Paulo Mendes

    A Assembleia da Republica Portuguesa !

    A Câmara Municipal de Lisboa !

    “Por um novo Hospital Pediátrico para Lisboa”
    http://www.PetitionOnline.com/18772008

    A Assembleia da Republica e Câmara Municipal de Lisboa


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Divulgação Cultural

Blog Stats

  • 233,706 hits

%d bloggers like this: